Antes do Clássico das Penas do último sábado, a Câmara de Vereadores de Francisco Beltrão prestou uma homenagem ao Cresol/Marreco Futsal, pelo aniversário de dez anos, comemorado no dia 15 de novembro, e ao pivô Sinoê Avencurt, o primeiro jogador do clube a ser convocado para a Seleção Brasileira.

A proposição da homenagem foi do vereador Léo Garcia (PSC), que também é diretor do clube. “O Marreco completou dez anos de história, um clube muito organizado, que cresceu muito depois que entrou na Liga Nacional. E o Sinoê divulgou o nome de nossa cidade por todos os cantos, com a Seleção Brasileira”, comentou Léo Garcia.

“O Marreco merece essa homenagem porque é um time que divulga a nossa cidade, que inspira as nossas crianças e que promove o lazer para a população”, afirmou a presidente da Câmara de Vereadores, Elenir Maciel (PP), que também prestigiou a homenagem no último sábado.

José Delmo Menezes Junior

Homenagem aconteceu antes do Clássico das Penas

“Para nós, é motivo de orgulho termos uma equipe tão competitiva em nossa cidade, disputando o título do Paranaense e que ficou entre os quatro melhores da Liga Nacional. É uma homenagem mais do que justa”, disse o vereador Rodrigo Inhoatto (PDT), que acompanha a história do clube.
“Todos nós ajudamos o clube de uma forma ou outra. Isso faz do Marreco um time muito forte. O sucesso do time é resultado da união da população de Francisco Beltrão e região”, avaliou Aires Tomazoni (PMDB).

Sinoê agradece

O pivô Sinoê agradeceu o apoio que recebeu dos vereadores neste momento tão importante em sua carreira. “Eu fui o primeiro de muitos a serem convocados para a Seleção Brasileira jogando pelo Marreco. Mas é um conjunto da equipe, pois sem meus companheiros eu não teria chegado lá. Só tenho a agradecer aos vereadores, aos torcedores, à imprensa, aos diretores, enfim, a todos que nos ajudam a manter o Marreco cada vez mais forte”, declarou o jogador, que renovou contrato até 2019.