O Corinthians atingiu o seu objetivo antes da pausa para a Libertadores, que acontece entre os dias 14 e 21 de julho. No seu último jogo pela LNF antes da viagem a Buenos Aires, o Timão venceu a Copagril, por 3 a 2, em Marechal Cândido Rondon (PR), chegando aos 30 pontos e garantindo a liderança por mais uma rodada. Vice-líder, o Carlos Barbosa fez 1 a 0 no Blumenau fora de casa e soma agora 29 pontos. Diferentemente do Corinthians, a equipe gaúcha ainda faz um jogo antes da competição sul-americana, contra o Joinville, na próxima quarta-feira. Se vencer, a ACBF rouba o primeiro lugar do Alvinegro.

Tainã Cerny

Goleiro Tiago manteve a segurança na meta do Corinthians

Com defesas espetaculares e uma assistência para o último gol corintiano, o goleiro Tiago foi o destaque da partida desta sexta-feira. O Corinthians, que ficou sempre à frente no placar, marcou com Batalha, Deives e Murilo. Jamur e Vilela fizeram os gols da Copagril, que tem 10 pontos e está próximo do limite da zona de classificação ao playoff.

Timão abre o placar no início

A primeira chance do jogo foi do Corinthians. Depois de dominar a bola na área, Nenê tentou a finalização, mas foi desarmado pelo goleiro Rennan. O lance foi um prenúncio do que viria a seguir. Aos três minutos, Matheus chutou cruzado, e o fixo Batalha desviou para o gol: 1 a 0 para o Timão. Um minuto depois, Henrique teve a chance de marcar o segundo em sobra de bola. Contudo, a conclusão do camisa 11 corintiano foi por cima do travessão.

Aos poucos, a Copagril foi saindo mais para o jogo. Aos nove, Grillo bateu rente à trave defendida por Tiago. Pouco depois, Biel avançou em velocidade e finalizou com perigo novamente. Confiante, o mesmo Biel arriscou de longe aos 12. A bola foi para fora. A pressão dos donos da casa seguiu pelos minutos seguintes. Aos 13, Tiago fez defesa providencial em mais uma finalização de Biel, dessa vez de dentro da área.

Tainã Cerny

Fixo Grillo leva a Copagril ao ataque diante do Corinthians

O Corinthians só voltou a assustar a dois minutos do intervalo. Em jogada de contra-ataque, Batalha recebeu sozinho e mandou para fora. No minuto seguinte, porém, a Copagril tratou de fazer o gol de empate. Após receber de Grillo, Jamur precisou chutar duas vezes para conseguir vencer Tiago. Mordido, o Corinthians saiu todo para o ataque nos segundos finais. A 15 segundos do término, Café encheu o pé da entrada da área, e Rennan fez a defesa, garantindo o resultado.

Segundo tempo emocionante

O segundo tempo começou com os dois times buscando o ataque. Aos dois minutos, Biel roubou bola da defesa corintiana e tocou fraquinho na saída de Tiago. Caio apareceu para afastar o perigo. O Corinthians tratou de responder da melhor forma. Após lançamento longo de Caio, Deives deixou a bola quicar e bateu com categoria na saída de Rennan: 2 a 1. A Copagril não demorou a empatar. Aos seis, Jamur arrancou pela esquerda e chutou cruzado. Vilela, sozinho, completou para a rede.

Tainã Cerny

Corinthians foi seguro na defesa e saiu com propriedade ao ataque

Aos nove, Vilela teve grande oportunidade de marcar mais uma vez. Depois de dominar no ataque, o camisa 93 encheu o pé, e Tiago foi buscar no canto. Aos 13, Grillo soltou uma bomba da intermediária, e lá estava o goleiro corintiano mais uma vez. Um minuto depois, foi a vez de Biel carimbar o travessão alvinegro. Refeito do susto, o Corinthians voltou a sair para o jogo nos cinco minutos finais. Aos 15, Nenê avançou pelo meio e chutou rente à trave.

Um minuto depois, Vilela carimbou o poste de Tiago pela terceira vez no jogo. Quando a partida caminhava para o empate, Tiago avançou à intermediária e deu lançamento logo e preciso para Murilo, que desviou de cabeça na saída de Rennan. Era o gol da vitória do Corinthians, que segurou o resultado até o fim mesmo com o adversário atuando com goleiro-linha.