Nesta sexta-feira (03), aconteceu no Parque São Jorge, a apresentação da Seleção Brasileira de Futsal Down, que neste mês disputará o Mundial da categoria, em Ribeirão Preto-SP.  A comissão técnica e oito jogadores da equipe de futsal down do Timão foram convocados para a competição.

Divulgação Corinthians

Apresentação da Seleção Brasileira de Futsal Down

Primeiro, a delegação se reuniu no teatro do Memorial do Corinthians, onde o treinador Cleiton Monteiro falou sobre o projeto. Depois, foi realizado um treino no Ginásio Wlamir Marques.

O treinador da seleção e, também do Alvinegro, destacou como o trabalho realizado no Corinthians reflete na preparação da Seleção. “Depois que o Corinthians entrou no segmento down, nos fortalecemos. Você tem mais condição de treinamento, espaço, material, trazemos a parte técnica e tática do profissional para os meninos. O entrosamento também é muito importante, são 11 anos treinando juntos, fica mais fácil, e os outros meninos se adaptam fácil a nossa filosofia. Por isso mantivemos a base, além do trabalho, há o emocional, jogando no Corinthians, com essa torcida é muito importante, na Seleção eles não vão sentir tanto por todos esses anos jogando aqui no Clube. Tenho certeza que eles vão trazer esse título aí pra gente”, disse o treinador Cleiton Monteiro.

O atleta do Timão, Danilo Polo, falou sobre a expectativa para o Mundial. “O Corinthians ajuda a gente, mas somos a Seleção brasileira agora, a pressão é muito grande. Nós vamos treinar e vamos ganhar na raça”.

O gerente de Futsal do Timão, Edson Sesma, destacou a importância do evento ser realizado na sede do Corinthians: “Receber um evento como esse, dentro do clube, demonstra o respeito que o clube tem com o projeto, que no Brasil, O Corinthians foi pioneiro. Espero que tenham muitos anos com resultados expressivos, não só esportivamente, mas também no auxílio na inclusão desses meninos através do esporte. Ficamos muito felizes em seguir apoiando esse projeto e, além disso, servir de exemplo para outras entidades seguirem esse caminho”, disse.