FCB Divulgação

Arthur Guilherme se despediu do futsal do Barcelona com cinco títulos

O ciclo do ala Arthur Guilherme no futsal do Barcelona se encerrou na última semana. Com o fim do contrato, que ia até 30 de junho, e a decisão de não renová-lo com a equipe catalã, o jogador brasileiro olha para o futuro sem deixar de lembrar com carinho as duas temporadas de conquistas que viveu com a camisa azul-grená, a primeira que vestiu fora do Brasil.

– Essas duas temporadas foram boas. Outra cultura, outro estilo de jogo, aprendi muito dentro e fora de quadra. Eu que não havia saído do Brasil então, foi uma experiência muito boa tanto para mim, quanto para a minha família. Passa um filme na minha cabeça, eu não imaginava chegar tão longe. Tenho alguns sonhos para realizar ainda, mas, com certeza, chegar ao Barcelona foi um sonho realizado – afirmou o ala, natural de Uberlândia.

Revelado pelo Praia Clube e com passagens por Corinthians e Magnus, Arthur conquistou pelo Barcelona uma Copa da Catalunha, duas Copas da Espanha, uma Copa do Rey, uma Liga Espanhola e uma Supercopa. O Barça está na semifinal da Liga dos Campeões da UEFA, contra o KPRF Moscou (RUS), adiada para 8 de outubro, em razão da pandemia do novo coronavírus e, por isso, o sonho de levantar o troféu continental ficou para uma próxima oportunidade.

Arquivo Pessoal

Ala brasileiro passou período de isolamento social com a família na Espanha

– Sim, ainda mais quando você passa por todas as fases da UEFA, você quer chegar nas finais e jogar. Dessa vez não vai ser possível, mas seguirei na torcida para os amigos que deixei.

Arthur passou os últimos meses confinado em Barcelona e retomou as atividades em junho para disputar os playoffs da Liga Nacional (o time parou nas quartas de final) e lembrou o momento tenso que ficou com a esposa e a filha na Espanha.

– Foram dias tensos. Vivo com minha esposa e filha e ficamos confinados dois meses. Segui treinando em casa, tive mais tempo com a família e procurei ocupar a cabeça, buscando aprendizados em outras áreas.

Sem poder revelar o nome do novo clube, Arthur deve seguir no futsal europeu. Consolidando a carreira no Velho Continente, ele traça objetivos também com a camisa amarelinha, uma vez que a Copa do Mundo será entre setembro e outubro de 2021.

– Quero jogar uma Copa do Mundo. Vou trabalhar muito para que esse sonho se realize – concluiu.

FCB Divulgação

Arthur Guilherme sonha com a Copa do Mundo pela seleção brasileira