O Brasil goleou o Equador por 11 a 0 pela terceira rodada da fase de grupos da Eliminatória e garantiu antecipadamente a vaga para a Copa do Mundo FIFA de Futsal 2020 na Lituânia. Em Carlos Barbosa, a seleção não encontrou dificuldades em momento algum do confronto e o placar só não foi mais elástico porque a equipe brasileira diminuiu o ritmo no segundo tempo.

No primeiro tempo, Gadeia logo abriu o placar para a seleção. O gol de calcanhar marcado por Marlon deu o tom da qualidade do Brasil e da fragilidade do adversário.

Ulisses Castro

Seleção Brasileira segue com 100% de aproveitamento nas Eliminatórias

Ainda na etapa inicial, Lino fez o terceiro para o Brasil e, depois, dois gols de Leozinho, que pela primeira marcou pela seleção. Com oito minutos, a equipe brasileira chegou ao quinto gol com Rocha. Até o fim do primeiro tempo, Bruno e, novamente, Gadeia fechariam o placar parcial, por 7 a 0.

Para a etapa final do confronto, o técnico da seleção Marquinhos Xavier começou a mudar o time. O ritmo brasileiro até diminuiu, mas a equipe continuou a ser eficiente e com quatro minutos, Pito ampliou.

O Equador limitou-se, sem sucesso, a se defender, principalmente, porque a defesa brasileira anulou todas as jogadas do adversário. Com isso, Dyego ampliou para 9 a 0, em seguida, Leozinho chegou ao seu terceiro gol no confronto e Rodrigo encerrou o marcador para garantir matematicamente a vaga para a Copa do Mundo na Lituânia: 11 a 0.

Ulisses Castro

Leozinho marcou o primeiro gol com a camisa da Seleção Brasileira de Futsal

– Fico feliz não só pelos gols, mas pela atuação da equipe. Há três anos, participava de uma peneira para jogar futsal e agora espero continuar a dar o meu máximo e contribuir para a seleção – festejou Leozinho.

Nesta quinta-feira, o Brasil volta à quadra para enfrentar o Peru, pela última rodada da fase de grupos da Eliminatória. A partida será em Carlos Barbosa (RS), sede do torneio, às 20h, com transmissão ao vivo do SporTV.

A Copa do Mundo da Lituânia está prevista para ocorrer entre os dias 12 de setembro e 4 de outubro. Com a vaga assegurada, o Brasil vai em busca do hexacampeonato. O último título foi conquistado em 2012.