Divulgação

Com passagens de destaque pelo Jaraguá , Khauan Schlickmann (E) e Mateus Smaniotto se consolidam no futebol

Da base do futsal de Jaraguá do Sul já saíram grandes nomes que seguiram caminho de sucesso nas quadras e outros que resolveram trilhar suas trajetórias no campo. E a cada temporada que passa, diversos talentos que passaram por aqui ganham espaço no futebol. É o caso de dois meninos, que tiveram muito destaque nas categorias de base do Jaraguá e hoje aparecem como promessas de clubes gigantes do país.

Um deles é Khauan Schlickmann. Natural de Canoinhas, o garoto de 15 anos jogou pela equipe jaraguaense em 2015 e 2016, conquistando os títulos da Liga Catarinense, Sul-Brasileiro, além de um vice-campeonato estadual. Com passagens de destaque pelo Jaraguá , Khauan Schlickmann (E) e Mateus Smaniotto se consolidam no futebol

Divulgação

Khauan (camisa 11) na época de Jaraguá

Após o bom desempenho na cidade, ele foi chamado para integrar a base do Athletico-PR, onde ficou até 2018, quando resolveu se transferir para o rival Coritiba. Filho de Calmon, ídolo do CRB, clube de Alagoas que disputa a Série B do Brasileiro, o jovem polivalente que atua como volante, meia e atacante, deu um salto ainda maior na carreira na semana passada, sendo contratado pelo Flamengo. O Rubro-Negro ganhou a ‘queda de braço’ com outros três grandes clubes – Internacional, Atlético-MG e Fluminense – e ofereceu um contrato de três anos a Khauan, que já treina com a equipe Sub-16.

A outra joia é Mateus Smaniotto. Nascido em Balneário Camboriú, o atleta de 14 anos atuou no Jaraguá entre 2017 e 2018, sendo campeão da Buenos Aires Cup, Copa Santa Catarina e Regional de Futsal.BNo fim de 2018, ele deixou o Aurinegro e foi direto para o Grêmio, onde permanece até hoje. Por lá, Mateus é goleiro da equipe Sub-14 e recentemente assinou seu primeiro contrato de formação com o clube gaúcho.

Divulgação

Mateus (camisa vermelha) quando jogava no Aurinegro

O curioso é que o atleta resolveu se dedicar apenas ao futebol após a proposta do Grêmio, já que antes conciliava e brilhava no futsal e jiu-jitsu, esse último, inclusive, sendo tricampeão brasileiro e pentacampeão mundial na sua categoria. Técnico da dupla nos tempos de Jaraguá, Anderson Decker não escondeu a satisfação em ver mais dois exemplos que tiveram parte da formação em Jaraguá do Sul alcançarem patamares tão desejados por jovens que estão no esporte.

“É sempre muito gratificante acompanhar a trajetória dos meninos que passam por aqui e tem sucesso nesse mundo esportivo, porque sabemos que não é fácil ter oportunidades e assinarem contratos de formação ou profissional. Quem passa por essas fases estão um passe a frente dos demais. Então a satisfação é muito grande ver onde o Khauan e Mateus conseguiram chegar”, disse