Joinville e Pato entraram em quadra em busca da terceira vaga nas Semifinais da LNF 2020 e fizeram uma grande partida, digna dos últimos campeões da competição. O tricolor catarinense venceu por 2 a 0 na prorrogação e conquistou a vaga, encerrando as chances inéditas do tricampeonato seguido dos paranaenses.

Juliano Schmidt

Rodriguinho foi um dos destaques do Joinville na classificação

A partida começou com um controle maior do Joinville, criando mais oportunidades de gol. Genaro logo abriu o placar para o time catarinense, garantindo uma vantagem ainda maior, já que haviam vencido a partida de ida em Pato Branco/PR. O técnico Sergio Lacerda fez mudanças na equipe do Pato e passou a pressionar em busca do empate. No final do primeiro tempo, Valença marcou de pênalti, empatando o jogo.

O segundo tempo seguiu equilibrado, com oportunidades criadas por ambas as equipes. Na metade final do tempo, Rodriguinho marcou o segundo do Joinville, após saída do goleiro Ramon. O Pato passou a jogar com goleiro linha, precisando do empatar e depois virar o placar. Perin empatou e Valença, novamente, marcou o gol da virada dos paranaenses, faltando dois minutos para o fim do tempo normal. Com esse placar, o jogo foi para a prorrogação.

No tempo extra, o Joinville buscou o domínio da partida, ficando mais com a bola e buscando o gol. O Pato se defendia bem e explorava os contra golpes. O primeiro tempo da prorrogação terminou 0 a 0. No segundo tempo, Dieguinho fez grande jogada individual e deixou Machado livre para abrir o placar, deixando os catarinenses novamente em vantagem. O time paranaense foi para o tudo ou nada com goleiro linha e esbarrou na grande atuação do goleiro Willian. Leco, após contra ataque sem goleiro e faltando segundos para o fim, marcou o segundo do Joinville, decretando a classificação para as Semifinais da LNF 2020. O adversário sairá do confronto entre ACBF e Corinthians, ainda sem data definida.