A pré-temporada do Marreco Futsal começa no dia 10 de fevereiro, mas a equipe de Francisco Beltrão aguarda a Prefeitura de Francisco Beltrão realizar uma licitação. O objetivo da equipe, além de mandar os jogos no Ginásio Arrudão, é também explorar a lanchonete do local como fonte de renda.

Segundo o diretor do Marreco, Ademilson Arandt, o Misso, a equipe irá fazer a proposta de licitação. “Está no cronograma do Marreco participar dessa licitação. Estamos esperando para ver onde será conveniente para o clube, se não tiver acerto no Arrudão, vamos para outro ginásio”, disse.

Adolfo Pegoraro

Ginásio Arrudão é a casa oficial do Marreco

A diretoria da equipe também trabalha com outras possibilidades.  “O Marreco arrumou parceiros para fazer propostas em todos os ginásios. Se não der no Arrudão, tem a chance de ser no Sarará ou no São Miguel, enfim. Não tem definição ainda. O Marreco vai jogar no local que o parceiro do clube for o ganhador, pois a equipe conta com esse aporte financeiro da lanchonete”, complementou Misso.

Em 2020, o Marreco irá disputar a Liga Nacional de Futsal, o Campeonato Paranaense Chave Ouro e a Liga Paraná de Futsal.