Se restava alguma dúvida de que o futsal garante emoções até os instantes finais, ela acabou exatamente no último minuto da última partida da fase de grupos da LNF 2020, no domingo. Foi nesse momento que Valença, contra, anotou o gol da vitória do Campo Mourão, fora de casa, diante do Pato por 3 a 2, definindo então o décimo sexto classificado para os playoffs da competição.

Mauricio Moreira

Campo Mourão conseguiu a classificação no último minuto de jogo

Antes disso, durante a semana, duas equipes catarinenses que brigavam para se classificar, tomaram rumos diferentes. Joaçaba e Jaraguá primeiro empataram em 5 a 5. Nos jogos seguintes, o Joaçaba repetiu o placar de 4 a 1 diante de Assoeva e Umuarama e conquistou sua vaga. Enquanto isso, o tetracampeão Jaraguá perdeu em casa para o Umuarama por 3 a 1 e assim, como a Intelli Tempersul, outra equipe duas vezes campeã da Liga, dessa vez estará de fora da reta final do torneio.

A última rodada dos grupos A, B e C no final de semana definiu os cinco classificados de cada chave, que ao todo somaram 126 jogos e 580 gols. Alguns enfrentamentos reservam peculiaridades e antecipam a certeza de mais emoção à vista em um ano em que o torcedor do futsal só poderá incentivar seu time de fora do ginásio, diante da TV. Todas as partidas de ida das oitavas de final serão transmitidas pela LNFTV.

Dos oito duelos, alguns se repetem. A Assoeva irá encarar o Joinville, segunda melhor campanha da primeira fase e melhor defesa com apenas 16 gols sofridos. As duas equipes decidiram a edição 2017 da LNF. Outro confronto que reedita uma final de Liga é entre Atlântico e Pato. Os paranaenses, atuais bicampeões, conquistaram o primeiro título justamente diante dos gaúchos em 2018 e estão atrás do tri inédito da Liga. O terceiro reencontro envolve outro gaúcho. A ACBF inicia a busca pelo hexa diante do Joaçaba, seu rival também na mesma fase do campeonato na temporada passada.

Uma curiosidade das oitavas marca justamente a disputa entre duas equipes que em 2020 voltaram para as quadras da LNF. Praia Clube e Umuarama, depois de algum tempo de fora da competição, retornaram esse ano e apenas uma delas seguirá adiante na briga. Ao mesmo tempo, o Minas, único time a participar de todas as edições, vai encarar o Cascavel.

Desde 2016 de fora da fase eliminatória, o São José terá um grande desafio pela frente. Dono da terceira melhor campanha no geral, o Tubarão terá que comprovar o desempenho agora em que não é mais permitido errar. O Corinthians, que derrapou na fase de grupos, mas se recuperou a tempo, irá encarar o Foz Cataratas. O Timão ficou em segundo lugar no grupo A com a metade dos 36 pontos do líder absoluto Magnus, com incríveis 12 jogos disputados e 12 vitórias, algo inédito na história da competição. O adversário do Magnus é justamente o Campo Mourão, o time que estava fora dos playoffs até um minuto para acabar seu jogo. Sinal de que emoção no futsal vai até o fim.

Guilherme Mansueto

Magnus venceu todas as partidas da primeira fase, mas agora desafio é nas eliminatórias contra o Campo Mourão

Confira os duelos das oitavas de final

Quarta-feira: Campo Mourão x Magnus | Foz Cataratas x Corinthians | Minas x Cascavel

Quinta-feira: Assoeva x Joinville | Praia Clube x Umuarama | São José x Tubarão

Sexta-feira: Atlântico x Pato | Joaçaba x ACBF

Sábado: Corinthians x Foz Cataratas | Magnus x Campo Mourão | Cascavel x Minas

Domingo: Umuarama x Praia Clube | Tubarão x São José | Joinville x Assoeva

Segunda-feira: ACBF x Joaçaba | Pato x Atlântico