O Brasil encerrou a série de amistosos na Europa em grande estilo. Depois de uma derrota e uma vitória sobre a Sérvia e um triunfo sobre a Polônia, os brasileiros bateram os poloneses mais uma vez na casa do rival. Com gols de Ferrão (dois), Gadeia, Rafael Rato, Daniel Japonês, Bateria e Marlon, a seleção canarinho conseguiu um imponente placar de 7 a 2, nesta terça, na cidade de Bydgoszcz. Os amistosos no continente europeu serviram como preparação para o Mundial 2020, na Lituânia. Em outubro deste ano, o Brasil ainda joga a Copa América, no Chile.

Divulgação

Seleção Brasileira passou pela Polônia em novo amistoso internacional

O Brasil começou o jogo levando um susto. Aos dois minutos, a Polônia chegou bem ao ataque, Roncaglio deu rebote, e Robert Gladczak apareceu para abrir o placar. O Brasil levou pouco mais de três minutos para empatar. Em cobrança de falta ensaiada, Bateria serviu Gadeia, que chutou rasteiro para fazer 1 a 1. Aos 18, o time verde-amarelo chegou à virada com Rafael Rato, em jogada de escanteio: 2 a 1, placar da etapa.

O segundo tempo foi mais movimentado. Aos três minutos, Daniel Japonês driblou um marcador e fez o terceiro. O Brasil não levou muito tempo para ampliar. Em mais um lance protagonizado por Daniel, o goleiro polonês deu rebote, e Bateria não perdoou: 4 a 1. Mesmo com os três gols de desvantagem, a Polônia não se entregou, e, aos seis, Mijolak Zastawnik avançou sozinho e diminuiu.

Só que, aos 11, Ferrão recebeu na frente, girou a bateu forte para fazer 5 a 2, esfriando a reação polonesa. Inspirado, o mesmo Ferrão marcou mais um no minuto seguinte. A oito minutos do fim, Marlon tabelou com Ferrão e fez o sexto, dando números finais à vitória brasileira.