A vitória em Siqueira Campos (Norte Paraná) pela Chave Ouro no último sábado (12), deixou duas importantes baixas, momentâneas, para equipe. O fixo Djaelson sofreu uma pancada nas costelas, que causou um edema na região. Lesão que poderá afastar o jogador das quadras por cerca de dez dias.

Outro que também ficará fora por cerca de 20 dias é o goleiro Deivd, que não se sentiu bem antes da partida em Siqueira Campos e nesta segunda-feira (14) foi submetido a cirurgia de apendicite, realizada pelo médico Élio Salvador Filho, que é também empresário e proprietário da Black Hino, patrocinadora do Campo Mourão Futsal desde a temporada 2019.

Alisson Lima

Goleiro Deivd foi operado do apendicite