As quedas nas quartas de final do Campeonato Catarinense e Jogos Abertos de Santa Catarina foram apagadas da memória para o elenco do Jaraguá Futsal. Afinal, neste domingo (10), a equipe faz o jogo mais importante da temporada, quiçá, dos últimos anos.

Em busca de uma vaga na semifinal da Liga Nacional – que não acontece desde 2014 -, o aurinegro encara o confronto decisivo contra o Tubarão, às 20h, na Arena Estener Soratto, que terá transmissão do canal Sportv e rádio RBN.

Há exatamente quatro anos, o Jaraguá caiu na semi da LNF para o Sorocaba. Desde então, o clube chegou a construir alguns capítulos de glória como o título da Taça Brasil e Estadual de 2015, Copa dos Campeões de 2016 e o vice da Libertadores do mesmo ano.

Porém, voltar a figurar entre os quatro melhores colocados da Liga Nacional traz um significado gigantesco, sobretudo, para um time que é o segundo maior campeão do torneio, com quatro taças.

Por todo esse contexto, a partida de volta das quartas de final contra o Tubarão é encarada como um dos momentos mais importantes nessa caminhada. “É o jogo do ano que muda os rumos do balanço da temporada. Apesar da eliminação no Estadual, uma classificação na Liga nos coloca entre os quatro melhores do Brasil e isso se sobrepõe o que ficou de ruim”, declara o goleiro João Neto.

Para alcançar a tão sonhada classificação, o aurinegro joga pelo empate no tempo normal, já que venceu na Arena, pelo placar de 4 a 2. Em caso de triunfo do Tubarão, o embate vai para prorrogação, onde a equipe do Sul do estado reverte a vantagem da igualdade por ter feito melhor campanha na fase classificatória. Quem avançar pega Pato ou Carlos Barbosa na próxima fase.

E se o clima é de decisão, o time jaraguaense está muito bem preparado por todas as adversidades vividas ao longo da temporada, conforme destaca João Neto.

“Dos quadrifinalistas somos a equipe mais calejada e preparada mentalmente por tanto que apanhamos esse ano. Ficamos muito tempo nas cordas e quase indo à lona, mas conseguimos nos reerguer como uma equipe resiliente e madura. Isso nos dá esperanças que o objetivo será alcançado”, comenta.

Lucas Pavin

Jaraguá busca vaga nas Semifinais da LNF

Desfalque importante no rival

Enquanto o técnico Lucas Chioro comemora o fato de contar com o time completo para o ‘jogo do ano’, o Tubarão deve ter até dois desfalques consideráveis neste domingo. O principal é o goleiro Marcinho.

Após machucar o joelho no confronto de ida, o jogador fez um tratamento intensivo em Jaraguá do Sul, com o fisioterapeuta Wilson Gomes Junior, mas ainda sem completar o período ideal para recuperação, as chances de estar em quadra são remotas.

“Marcinho é uma ausência significativa por ter um grande jogo de cinco pra quatro e um entrosamento difícil de ser marcado. Sofremos com isso no primeiro jogo e com certeza é uma preocupação a menos para nós. Mas não muda a disposição do Tubarão de reverter o resultado, porque estão fazendo um grande ano”, avalia João Neto.

Quem também pode ficar de fora é o experiente fixo Ferrugem, de 31 anos, que sofreu um estiramento na coxa, também no jogo da Arena. Os jogadores ainda serão reavaliados e não está descartado o sacrifício com o uso de infiltrações para estarem em quadra.