O torcedor fez sua parte, encheu a Arena e empurrou o Jaraguá Futsal do início ao fim no primeiro confronto da semifinal da Liga Nacional contra o Pato, disputado na tarde deste sábado (16). Em quadra, o time correspondeu e foi superior na maior parte do jogo. Mas em um duelo tão decisivo, o detalhe costuma fazer a diferença e, desta vez, não foi diferente.

Mauricio Moreira

Thiago Gouvêa e Jé durante o jogo semifinal deste sábado na Arena Jaraguá

Após um empate em 1 a 1 no primeiro tempo, com gols de Oitomeia para equipe da casa e Chimba a favor dos visitantes, o aurinegro perdeu chances de ficar em vantagem no marcador e sofreu o castigo no último minuto, com direito a ‘lei do ex’.

Hulk, ex-goleiro do Jaraguá, aproveitou cobrança de tiro livre direto e colocou os paranaenses na frente. Pouco depois, a equipe jaraguaense teve a oportunidade de deixar tudo igual na mesma moeda, porém, Xande parou no goleiro Djony que acabou decretando a derrota por 2 a 1.

Para continuar sonhando com o pentacampeonato da LNF, o Jaraguá Futsal precisa vencer no tempo normal e na prorrogação na partida de volta, que acontece no próximo sábado (23), às 11h, no Ginásio Municipal Dolivar Lavarda, em Pato Branco (PR).

Mauricio Moreira

Djony foi decisivo para o Pato na semifinal da LNF2019

Vale lembrar que o aurinegro conseguiu bater o rival em seus domínios na primeira fase. Pela última rodada, o time jaraguaense saiu perdendo por 2 a 0, mas conseguiu uma virada emblemática por 3 a 2.

“Temos que manter a mesma postura que estamos tendo desde a nossa reviravolta na Liga. Precisamos fazer um jogo seguro e controlado como fizemos na primeira fase. Sabemos que eles tem um ímpeto ofensivo muito grande em casa, então temos que controlar as faltas e jogar com calma, que temos tudo para conseguir a classificação”, afirmou o fixo Fernando.

O jogo

Com maior domínio na posse de bola, o Jaraguá foi superior no primeiro tempo e criou as principais chances ofensivas. Do outro lado, o Pato adotou uma postura mais fechada e apostava no erro dos donos da casa para chegar ao gol.

Paulo Sauer

Arena Jaraguá lotada para a semifinal da LNF2019

E foi justamente desta forma que abriu o placar logo em sua primeira oportunidade. Aos 5 minutos, a defesa jaraguaense saiu jogando errado, a bola sobrou no pé de Chimba que chutou de bico, a bola desviou no meio do caminho e matou João Neto.

Mas não demorou muito para a reação. Um minuto depois, Oitomeia aproveitou lançamento de João Neto na ala direita e bateu rasteiro para marcar. Tudo igual.

A partir daí, só deu aurinegro. Com bom volume de jogo, a equipe de Lucas Chioro passou a pressionar o adversário e teve as melhores chances no pé de João Guilherme.

Em ambas, o camisa 51 usou da velocidade para se livrar da marcação e ficar cara a cara com Djony, mas finalizou por cima. O Pato só voltou a assustar, aos 17, em novo erro na saída de bola dos mandantes, em João Neto evitou gol de Tom.

Segundo tempo

Com muitas faltas e forte marcação dos dois lados, o segundo tempo foi mais truncado. O Jaraguá começou melhor, mas viu o time paranaense equilibrar as ações com o passar do tempo.

Quando a bola chegava, Djony e João Neto se destacaram com boas defesas. Só a partir da segunda metade, o duelo pegou fogo.

Primeiro, Richard acertou a trave, aos 10, e Di Maria respondeu para o Pato, com uma bomba no travessão, aos 14. Logo depois, Djony salvou duas tentativas consecutivas do aurinegro, em chutes de Nicolas e Oitomeia.

Lucas Pavin

Richard leva o Jaraguá ao ataque e é cercado pela forte marcação do Pato

Quando o jogo se encaminhava para o empate, surgiram os lances capitais que acabaram definindo o resultado. Restando pouco mais de um minuto, a bola bateu na mão de Costelinha e o juiz assinalou a sexta falta do time jaraguaense. Na cobrança do tiro livre, Hulk, ex-goleiro do Jaraguá, converteu e colocou os visitantes novamente na frente.

Passados poucos segundos, foi a vez da equipe paranaense cometer a sexta falta. Porém, Xande não aproveitou ao parar em grande defesa de Djony.

Ainda nos instantes finais, Oitomeia quase marcou em chute de fora da área, mas a bola passou tirando tinta da trave direita. Fim de jogo: 2 a 1 Pato.